18°/26°

Divinópolis,
17/JAN/2017

Funcionários dos Correios estão em greve

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
  • Notícia
18/09/2013 18:41
Profissionais que trabalham nos Correios estão em greve e reivindicam reajuste salarial, benefícios e contratação de trabalhadores. De acordo com a assessoria de imprensa dos Correios em Belo Horizonte, apenas 3% do efetivo no estado aderiu à paralisação. A concentração é feita na capital, Contagem, Betim, Divinópolis, Governador Valadares e Ipatinga. Segundo o Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Correios e Telégrafos (Sintect-MG), os funcionários pedem reajuste salarial de 7,13% para repor perdas inflacionárias, além de ganho real de 15%. A categoria também reivindica um adicional linear de R$ 200 nos salários e aumento de 20% para recompor defasagem salarial. Eles cobram também manutenção do plano de saúde, o fim da terceirização e contratação de 110 mil trabalhadores. A estatal tinha oferecido 5,27% de reajuste salarial, mas na semana passada aumentou a oferta para 8%, mais um aumento real de 1,7%. O presidente dos Correios, Wagner Pinheiro, informou que a unidade não tem condições de fazer novas propostas. Ainda segundo os Correios, o plano de contingência da empresa vai garantir a entrega de encomendas, telegramas, contas e malotes.
  • Redes Sociais
  • TV Alterosa