15°/28°

Divinópolis,
26/MAR/2017

MVB projeta faturar R$ 2 milhões

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
  • Notícia
21/08/2014 15:36 | Atualizado em 21/08/2014 15:47
A empresária baiana Geilda Deolino Sousa viajou da Bahia para Belo Horizonte especialmente para participar do Minas Veste Brasil (MVB), evento realizado pelo Sindicato das Indústrias do Vestuário de Divinópolis, (Sinvesd), em parceria com a Fiemg, Sesi e Sebrae. Ela teve os custos da viagem e hospedagem pagos pela organização do evento. Dona de quatro lojas na cidade de Valência, ela confere as oportunidades de negócio pela segunda vez.

- Havia participado ano passado e os produtos fizeram muito sucesso, por isso, estou de volta, ressalta a empresária.

De acordo com Geilda, uma das razões de participar do MVB é a variedade e qualidade dos produtos. Ela destaca que o que gosta mais no evento é ver a qualidade no acabamento dos produtos e o tecido.
Assim como Geilda, a empresária divinopolitana Sabrina Rios Coelho participa da mostra pela segunda vez. Neste ano, a confecção preparou duas coleções para serem apresentada no evento. Uma coleção para pronta entrega, já que alguns clientes querem levar às peças de imediato, e a coleção festa, para antecipar as vendas de final de ano. Ela aprovou a estrutura e está empolgada com os resultados.

- A estrutura foi melhorada, pois aumentou o número de empresas participantes e de clientes que vieram conhecer os nossos produtos. No ano passado, tivemos um bom resultado e ainda fidelizamos os clientes de diversas partes do país que retornaram ao stand da loja para renovar os pedidos e continuar a parceria , afirma.

Faturamento

Segundo o presidente do Sinvesd, Antônio Rodrigues Filho, a estrutura comercial da feira funciona através de representantes comerciais de cada Estado, que traz clientes potenciais de acordo com os produtos ofertados pelas empresas participantes.
Antônio ressalta que para o expositor é uma oportunidade de conhecer os representantes comerciais e levar seus produtos até localidades aonde ainda não se conseguiu chegar. Um facilitador do evento foi o MVB Card, que dá ao comprador um cartão de crédito no valor de R$ 20 mil e condição de parcelar as compras em até cinco vezes.
Participam do evento cerca de 200 lojas de todo Brasil que vão conhecer os produtos de 40 confecções, sendo 35 de Divinópolis e outras cinco de Belo Horizonte e Juiz de Fora. Antônio espera durante os quatro dias de evento cerca de R$ 2 milhões em negócios, R$ 650 mil a mais que em 2013.

- Nossas expectativas são as mais expressivas. O mais importante é plantar a semente, pois além da confecção conhecer o lojista, pode continuar fazendo vendas , finaliza.


Fonte: Gabriel Rodrigues/ Jornal Agora
  • Redes Sociais
  • TV Alterosa